Ciro Gomes já deu início às suas malandragens. Agora ele quer fingir que não tem vínculo com o PT…

Ciro Gomes já deu início às suas malandragens. Agora ele quer fingir que não tem vínculo com o PT…

Todos que têm algum nível de maturidade política sabem quem é Ciro Gomes: é um espertalhão, oportunista e bem sucedido aproveitador político. O sujeito já pulou de galho em galho, esteve em vários partidos e hoje é o principal candidato do PDT à presidência em 2018. Justamente por ser um espertinho, é de se suspeitar do que você pode ver logo abaixo:

1111111111111

Primeiramente, não é permitido acreditar que ele realmente esteja decepcionado. O PT já fez tudo isso aí várias vezes. Aliás, desde o primeiro mandato, no qual Ciro era ministro de Lula, o partido já havia feito essas alianças escusas com diversos partidos, motivo pelo qual o molusco teve maioria no Congresso em todo seu governo. Por ser um sujeito bem experiente, é preciso entender que não há a menor possibilidade de Ciro ser tão inocente a ponto de “se decepcionar” com algo que na política é tão comum.

Há também outro fator que precisamos considerar, e é a atual situação política do país. Para o PT, o momento é péssimo. A rejeição aos petistas ficou escancarada sobretudo nas eleições municipais do ano passado, e se Ciro é realmente um pré-candidato à presidência, não seria uma atitude muito inteligente continuar escorado no PT. Aliás, este é um momento no qual uma boa parte da extrema-esquerda está pulando fora dessa barca furada. O PSOL, por exemplo, abandonou o PT logo depois do processo de impeachment ter sido concluído, não porque discordem da agenda do partido mas porque precisam de fôlego.

Obviamente Ciro Gomes já pensou em tudo isso, e nada mais esperto do que desde já tentar desligar sua imagem da gestão petista. Quando 2018 chegar, ele conseguirá agradar a extrema-esquerda que não quer mais o PT e também poderá agradar o povão como um candidato que “não tem nada a ver com isso”.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 1
  • comment-avatar

    Análise política para analfabetos políticos adultos.